Buscar
  • Lincoln Raphael Costa

E O QUE É ASSÉDIO MORAL NO TRABALHO? O QUE DEVO FAZER NESSES CASOS?


O assédio moral é um assunto que está cada vez mais presente nos noticiários tendo em vista que tem sido identificado cada vez mais nos diversos ambientes de trabalho.


Ela consiste na exposição de trabalhadores a situações humilhantes, degradantes e constrangedores, que se repetem durante toda a jornada de trabalho e no exercício das funções.


Ocorre de forma muito comum nas relações hierárquicas autoritárias em que predominam as condutas negativas, antiéticas e que ferem moralmente os trabalhadores de forma muito incisiva.


Exemplo disso é a forma de tratamento que muitos chefes superiores têm com os seus subordinados que torna a relação de trabalho desgastante e os ambientes de trabalho insuportável, levando o empregado a desistir do emprego. Isso causa uma série de estresse emocional no trabalhador e problemas como depressão e ansiedade.


Outro fator muito marcante no assédio moral é o fato de que a vítima é escolhida pelo superior e isolada do grupo sem explicações passando a ser humilhada, culpabilizada, desacreditada, dentre outros.


Além disso, o assediado é constantemente colocado a prova com relação a sua competência no ambiente de trabalho, levando-o muitas vezes a exaustão emocional e a competitividade, a fragilidade e a baixa autoestima enquanto profissional.


Importante notar ainda que a humilhação de forma repetida compromete tanto a parte emocional do trabalhador como também as suas relações sociais e afetivas dentro do ambiente de trabalho, levando até mesmo a incapacidade laborativa.


O trabalhador que sofre de assédio moral poderá perder espaço também fora do ambiente de trabalho tendo em vista que a sua dignidade enquanto profissional é seriamente afetada.

QUAIS SÃO AS ESTRATÉGIAS UTILIZADAS PELO AGRESSOR?


1 Escolher a vítima


Primeiramente, o agressor escolhe a vítima dentro do ambiente de trabalho. Geralmente são pessoas subordinadas com características específicas dentro do ambiente de trabalho.


2 Praticando o assédio


O assédio, como já foi bem falado, consiste em práticas como fragilizar, ridicularizar, inferiorizar, menosprezar perante os demais trabalhadores da empresa. Isso envolve tanto aspectos visuais das pessoas como comentários quanto a sua competência profissional, dentre outros.


3 Desestabilizar emocional e profissionalmente.


A vítima do assédio moral via gradativamente perdendo sua autoestima e o interesse pelo trabalho.


4 Destruir a vítima


A vítima do assédio moral começa a se isolar da família e amigos, passando muitas vezes a usar drogas, principalmente o álcool. Além disso, o assédio pode ocasionar gatilho que levam a problemas emocionais pré-existentes como a depressão e a ansiedade.


O QUE FAZER NOS CASOS DE ASSÉDIO MORAL?


O assédio moral é visto de forma muito grave pelos estudiosos do direito do trabalho tendo em vista que é um fator que desestabiliza a vítima levando a graves problemas emocionais que podem culminar inclusive com tentativas de suicídio.


Assim, caso um trabalhador esteja sofrendo com assédio moral, é importante que ele busque um advogado na área de direito do trabalho para ingressar com uma ação contra o empregador que faz a referida prática, tendo em vista que cabe indenização para o caso.


A imagem utilizada neste artigo foi retirada do site pxhere.com, no dia 14/06/2021, tendo uma licença de livre reprodução para fins comerciais.

6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo